Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Armandinho Macedo fala da obra do instrumentista e compositor Garoto

profile

Memórias do Brasil

Descrição:

“Eu estou abrindo o Projeto do Garoto com muita honra porque foi um grande ídolo pro meu pai pra mim, um grande músico, um grande instrumentista. É sempre bom fazer uma homenagem pra ele. O Garoto inclusive era considerado o compositor das músicas maluquinhas. O que ele fazia era realmente um tanto desconhecido fora do natural. O Garoto, se ele fizesse hoje em dia o que ele fez em 1940, seria considerado atual.

Eu estou tocando agora no Clube do Choro com o Choro Livre. São duas horas de ensaio pra gente fazer um apanhado geral do que a gente tem, do que a gente já conhece. Inclusive 4 músicas de garoto que são: “É desvairada”, “Lamentos do morro”, “Gente humilde” e “São Paulo quatrocentão”. São músicas que eu considero completas.

Eu acho o Clube do Choro uma das coisas mais importantes que acontece no Brasil. Está criando uma galera nova, tocando essa música brasileira que é super rica. Parabéns Reco do Bandolim! Que é um dos grandes, maiores e melhores trabalhos que eu tenho visto pra música brasileira.”

Março de 2003