Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Brasília Fest Rock 2000 com Barão Vermelho

profile

Memórias do Brasil

Descrição:

Tina Vieira: Frejat, eu queria que você contasse pra gente da trajetória do Circo Voador, um festival onde tem várias bandas que estão começando e vocês lá dividindo o palco com esse pessoal..
Roberto Frejat, Barão Vermelho: Eu acho que, pra gente, é uma sequência natural das coisas. Eu acho que o fato da gente ter começado no Circo com várias bandas e hoje a gente estar num festival também com várias bandas, eu acho que isso é um processo. Essas bandas foram se alterando no decorrer do tempo e outras se repetem durante muito tempo. A gente já fez vários shows com o Capital e já fez vários shows com o Charlie Brown também, com o Natiruts menos, mas estamos fazendo, já não é a primeira vez. Pra gente é um barato estar nesse tipo de evento. Eu não vejo nenhum problema. Pra gente é um prazer.

Tina: E a evolução do Barão nesse tempo todo?

Frejat: Eu acho que o Barão é uma banda em constante evolução. Eu acho que quem assistiu a gente há dez anos atrás ou há quinze anos atrás e assiste o Barão hoje, é uma banda muito diferente, procurando se aprimorar e estar cada vez melhor.

Tina: Qual o conselho para essas bandas que estão começando nessa carreira?

Frejat: Ah, meter bronca, fazer o que acredita, fazer o que está no seu coração. Porque dar certo ou não dar certo é muito relativo. O mais importante é você estar realizado com o que você quer fazer.”

Maio de 2000