Corindó, um belo forró depois do death metal, do rock n roll, do jazz

profile

Memórias do Brasil

Descrição:

“Nós somos a banda Corindó. O nome “Corindó” vem de um pássaro que é muito rápido, três vezes mais rápido que a velocidade da luz. Se alimenta basicamente de chocalho, de rabo de cascavel e flash de máquina fotográfica. Por isso que ele nunca foi fotografado. Mas a gente tem certeza que ele existe. A gente tocava antes desse boom que teve no forró.

As influências que a gente tem são bem variadas. Desde o death metal, do rock and roll, do jazz, da música brasileira. E a gente pegou isso aqui em Brasília e resolveu correr pro forró. Mas tudo bem dançável, forrozeado. Esse disco a gente lançou em dezembro de 2001: Corindó. Mas a gente já está preparando o trabalho para o segundo disco, que até o final do ano a gente já deve ter gravado. A gente deve voltar para dar alguns shows aqui mas não por agora. São muitos anos de trabalho, muito investimento para você conseguir algum lugar ao sol. O forró já tem 50 anos, né? Então por mais que agora esteja mais em voga, ele sempre esteve aí e eu acho que sempre vai estar.”

Junho de 2003