Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Descida de ‘longboard’ na Ermida Dom Bosco de Brasília

profile

Memórias do Brasil

Descrição:

“Nos anos 60, uns surfistas, por falta de ondas, adaptaram umas rodinhas numas pranchas e madeiras, enfim. E começaram a descer algumas inclinações. Diz a lenda que foi na Califórnia. E aí surgiu um desenvolvimento ao longo dos anos do skate até hoje.

EM BRASÍLIA

Tem uns lugares bons pra andar, a ermida que não tem fluxo de carro facilita pra gente andar. Onde tem descida boa e pouco carro.

MAR X SERTÃO

Pelo fato de Brasília não ter esse privilégio começou essa coisa em busca do skate pra poder surfar no asfalto.

Tem uma galera das antigas também que introduziu o skate, na verdade nos ano 80. Partindo daí é que veio a questão do longboard. A diferença do skate pro street, que a gente chama no caso é que é pequeno, 36 polegadas, o longboard é considerado long a partir de 40 polegadas em diante, que chega mais ou menos até 48 polegadas em média.

O QUE CONTA NUM CAMPEONATO

O grau de dificuldade, o estilo que o skatista vem descendo, fazendo a sua linha, realizando suas manobras, a variedade de manobras que ele faz, a velocidade que ele realiza.

VELOCIDADE MÁXIMA

110 km por hora, a máxima que foi registrada numa competição realizada no Rio Grande do Sul.

A gente está competindo hoje tudo misturado mas futuramente com o crescimento do esporte vai ter a categoria feminina, a infantil e a adulta com todo mundo.

É, e vamos chamar aí a mulherada pra andar de skate.

EQUIPAMENTOS

Fora a proteção básica que seriam as luvas, a joelheira, que eu estou sem no momento, a cotoveleira, ninguém de cotoveleira, que coisa feia, o capacete… A questão das roupas por você atingir uma velocidade alta, se você não tem o controle do skate é legal porque ela acaba te protegendo. É claro que quem já tem um pouco mais de contato com o skate já dá uma certa aliviada na pressão das roupas, mas isso não é o certo, principalmente pra quem tá começando.

O certo é correr com macacão de couro.

Até porque uma raladinha dá pra equiparar com um tombo de moto, quase.

O maior tesão é você poder descer numa ladeira na maior velocidade, fazer sua manobra, sair perfeita…

Adrenalina, vento na cara, liberdade.

Skate se resume em uma palavra: atitude. A gente tem que ter atitude e acabou.

Fevereiro de 2005