Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Entrevista com a Plebe Rude em tarde inspirada na Ermida Dom Bosco de Brasília

profile

Memórias do Brasil

Descrição:

“A gente conseguiu voltar no tempo aqui vários anos. Subir no palco pra um público muito legal, com a mesma energia que a gente sempre teve, no Lago Norte em 1982.
Viva a Ermida! Tá bonito aqui, cara!
Rememorar é voltar no tempo e é ter certeza de que esse espírito que a gente plantou, 20 anos atrás, continua.
Aí, de repente, lá na frente tem uma molecada, sério, não to falando de 15, 14 anos, to falando de 6, 7 anos. E tão cantando, cara.
Agora a gente vai fazer uma palhinha especial. No Rock in Rio o pessoal me parou, super fãs da Plebe, falaram que só estavam indo pra ver a Plebe… mentira, eles foram pra ver o Red Hot Chilli Peppers. Não, verdade. Eles estavam saindo, eram cinco e meia da tarde, acabou o show da Plebe, eles estavam realmente indo embora. Eles foram ver a Plebe e um menino desse tamanho começou “Até Quando Esperar” com todas as pausas, todas as semicolcheias. Eu pedi pro meu roadie trazer o violão.
Eu sou Alexandre e vou cantar “Até Quando Esperar” pra vocês.
Eu acho que os fãs podem esperar uma continuidade da Plebe. Se Deus quiser.

Setembro de 2001