Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Homem de Pedra e a proposta de outra evolução

profile

Memórias do Brasil

Descrição:

“Nós somos a banda Homem de Pedra. Estamos juntos há três anos. Aqui é a Kiki, backing vocal. Eu sou o André, o vocalista. Duda na batera. Tiago na guitarra. Marcão, guitarrista. E Suza, contrabaixo e backing vocal.

O nome “Homem de Pedra” vem dessa ideia de ser forte para enfrentar toda essa violência que a gente sofre no dia a dia. De não se abalar tanto com tantas amarguras que a gente passa na vida. A ideia é a seguinte: se tivesse acontecido dessa maneira a evolução, com certeza seria muito mais paz, muito mais música e muito menos guerra. Da espada para a guitarra, em vez de ser para a arma de fogo.

No início a gente pensou em fazer uma banda de reggae, só que pensando em fazer uma coisa diferente do que vinha acontecendo.

O reggae, o rock and roll, o maracatu, o hip hop, o ska, o samba. A gente procura mesclar tudo isso e fazer isso se tornar uma música única, com personalidade própria com a cara da banda Homem de Pedra.

Essa mistura já é própria de Brasília. O brasiliense é fruto da miscigenação de pessoas de vários estados. Somos descendentes de pessoas de vários estados e formamos nossa cultura em cima disso. Eu acho que o homem de pedra traz muito isso também.

A música é bem dançante, não tem quem entre no show da gente que não curta, não dance. A gente interage muito com o público e eu acho que as pessoas captam essa mensagem que a gente quer transmitir de “segure as pontas, você também é de pedra, você também vai conseguir, você é brasileiro, então diga o que você quer, lute, batalhe”. Essa é a nossa mensagem.”

Março de 2002