Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Os atores Ribamar Araújo e Similião Aurélio invadem o Capital Fashion Week – parte 1

profile

Memórias do Brasil

Descrição:

Similião Aurélio: Olá, sou Similião Aurélio, e essa figura esquisita pulando atrás de mim é o Ribamar Araújo. Estamos no Capital Fashion Week e viemos descobrir a tendência da moda brasiliense. São mais de 180 lojas e vinte desfiles, todos acontecendo ao mesmo tempo em duas semanas de festa em Brasília. Brasília já é a quarta capital da moda do país, não é, Ribamar?

Ribamar Araújo: Sim!

Similião Aurélio: Então vamos dar uma volta!

Similião Aurélio: Temos o Paulo Araújo, que fez o vestido de noiva da Ana Paula Padrão! É verdade!

Ribamar Araújo: Ele é feito de jornal?

Similião Aurélio: Ele é todo feito de papel!

Ribamar Araújo: Agora é o seguinte: se chover, o bicho pega. Dá uma olhada!

Ribamar Araújo: Já bebeu todas?

Entrevistada: Saiba você que tá difícil!

Ribamar Araújo: A coisa tá difícil?

Entrevistada: Tá!

Similião Aurélio: A bebida está difícil aqui, tá uma batalha!

Ribamar Araújo: E a gente vai fazer o teste aqui… obrigado, minha linda… pra ver se a gente consegue encontrar uma bebida! Se a gente consegue pegar ali como a galera tá fazendo: com cara de ó, carão, vamos lá! O primeiro momento de você entrar é assim, ó. Se você faz o carão, você consegue qualquer coisa, ó. Boa noite. Um refrigerante, por gentileza! Ha ha!

(garçom entrega o refrigerante)

Ribamar Araújo: Pelo menos o refrigerante a gente conseguiu! Quero ver se você consegue alguma coisa!

Similião Aurélio: Me vê um refrigerante?

(garçom entrega o refrigerante)

Similião Aurélio: Ganhei o refrigerante. Que legal, vai ficar bem animada a noite.

Ribamar Araújo: Eu vou tentar falar com o Paulo Zulu, não sei se vou conseguir, peraí. Muita gente atrás, agora, ninguém fica perto de mim! Vou ver se ficando aqui eu consigo a baba. Nada. Ninguém olha, ninguém tira foto comigo. Tira uma foto comigo, gente! Pelo menos uma, né?

Ribamar Araújo: Como que é esse esquema de ficar super assim desesperado, gritando, levantando a camisa?

Paulo Zulu: Só incentiva a gente a ter cada vez mais diretriz no trabalho, fazer um trabalho mais profissional para ter cada vez mais público e mais carinho.

Ribamar Araújo: Legal, Paulo. Eu to aproveitando a sua baba pra também tirar foto. E aí, gente, tira foto de mim também! Vou levantar a camiseta, hein! Tá todo mundo tirando foto de mim, o Paulo só está aí de onda. Eu sou o maioral, ui! Tira foto de mim! Tira aí! Olha, ninguém me olha, cara, é impressionante! Sou bonitinho! To suando, mas sou bonitinho!

Similião Aurélio: Voltamos a qualquer momento com mais um Fashion Emergency!

Outubro de 2005.