Surdodum, banda de percussão composta por deficientes auditivos

profile

Memórias do Brasil

Descrição:

“Fica meio complicado de associar música com essa falta de audição. O Surdodum teve início em 1994, mas como projeto da fundação educacional, ele iniciou em 1995. A gente tenta conciliar o estudo acadêmico com o atendimento aqui no projeto. Os alunos atendidos aqui no projeto Surdodum variam a surdez tanto em grau, quanto em tipo. O Reinaldo Brás já está desde o começo do projeto. Ele que fica à frente dos meninos justamente passando esses sinais para eles estarem fazendo a troca de música, a troca de ritmo, as evoluções, as paradas.

Hoje não é uma banda de percussão de deficientes auditivos. É uma banda de percussão composta por deficientes auditivos, mas que muita gente está falando pela qualidade que hoje em dia tem. O surdo é um grupo minoritário. Então mal ou bem os minoritários são excluídos. Então acho que o projeto veio justamente para isso. Para estar mostrando a potencialidade desses portadores de necessidade especial. É uma luta cotidiana para a gente mostrar a capacidade deles mesmos.

Para mim, o Surdodum, eu queria que ele fosse muito conhecido pelas pessoas, para as pessoas conhecerem mais o trabalho do surdo. Para saber como o surdo tem muita capacidade. De mostrar que eles cantam, eles tocam. Minha felicidade foi aprender a cantar, aprender a falar mais. Eu aprendi a sentir, conhecer um trabalho diferente.

Muito obrigado. Nós amamos vocês.”

Outubro de 2001